Por que é importante conhecer seu histórico médico?

histórico médico
4 minutos para ler

É comum que, ao adentrarem um consultório médico, as pessoas esperem que o profissional diga qual o problema de saúde que elas têm. Sim, o médico realmente é essencial no diagnóstico e na cura de muitas doenças. Porém, o que muita gente não sabe é que o paciente tem papel fundamental nas consultas.

Sem dúvidas, a pessoa que mais conhece o seu corpo é você mesmo. Assim, armazenar as informações sobre o próprio histórico médico e repassá-las ao profissional é uma das formas de facilitar a descoberta de problemas de saúde precocemente.

Quer entender melhor sobre a importância de ter essas informações? Então, continue a leitura!

Hábito perdido

Durante a infância, seus pais devem ter levado você para consultar com médicos e fazer exames periódicos para acompanhar o seu desenvolvimento. Com certeza eles armazenavam todas as suas informações.

Não sabendo falar ainda, você não poderia dizer o que sentia. Assim, qualquer sinal de alteração na sua condição física poderia ser um alerta, e ter seu histórico médico guardado era um facilitador para descobrir algum problema.

Porém, com o passar do tempo, as pessoas passaram a deixar esse hábito para trás. As consultas e exames médicos ficaram cada vez menos frequentes, com vários profissionais.

Ocorre que, para várias doenças, ter um arquivo com prontuários, atestados, laudos, medicamentos e exames é muito importante, pois algumas enfermidades ficam silenciosas por um tempo. Além disso, é fundamental conhecer o histórico familiar de saúde devido a doenças hereditárias.

Forma de evitar exames desnecessários

Além de orientar a atuação do médico na descoberta de uma doença, manter um histórico sobre a sua saúde pode poupar a realização de exames desnecessários. Afinal, quando o profissional não encontra um indício da causa da enfermidade, ele pode exigir que seja feita uma investigação geral.

Powered by Rock Convert

Por isso, guardar os resultados de exames é essencial para que ele possa consultá-los e, quem sabe, descartar a necessidade de refação, seja porque seus resultados em nada acrescentariam ou porque já foi feito. Os exames guardados podem, também, ajudar a descartar algumas possibilidades de doenças.

Diversidade de médicos e prontuários

Não existe, ainda, no Brasil, um sistema integrado que permita o acesso de todos os profissionais da saúde às informações dos pacientes. A cada consulta com um médico diferente, em um hospital ou clínica distinto, é elaborado um prontuário.

Isso dificulta o acesso aos dados da pessoa a ser atendida. Portanto, cabe ao paciente ajudar nesse processo para que se tenha um diagnóstico rápido e preciso sobre a sua condição de saúde.

O armazenamento desses dados pode ser feito por meios físicos ou digitais. Faça anotações em um caderno ou em folhas e guarde-as em pastas-arquivo. Se preferir, mantenha as informações em um computador e salve-as na nuvem para ter acesso sempre que precisar e para que elas não se percam.

Solução mais prática

Não dá para contar com a memória para guardar todas as informações sobre a sua saúde. E guardar resultados de exames toda vez que se consultar com um novo profissional pode ser um pouco trabalhoso.

Então, por que não buscar um médico de confiança, que vá atender você sempre que precisar? Com o tempo, ele vai conhecer você melhor e terá, em seus registros, tudo o que precisa para fazer o seu atendimento. Contudo, para que isso funcione, procure manter uma frequência quanto a consultas e exames.

Para isso, ter um plano de saúde é uma boa opção! Dessa forma, você terá a segurança de ser atendido sempre pelo mesmo profissional, além de ter garantido o registro das suas consultas, exames e tratamentos. Isso é ótimo, não é?

Como você pode ver, o processo de diagnóstico de uma doença e a cura depende da cooperação entre médico e paciente. Por isso, guardar o próprio histórico médico é tão importante! Então, junte tudo o que você tiver: laudos, atestados, medicamentos que utiliza e leve a um médico da sua confiança. Sempre esperamos nunca precisar, mas em caso de imprevistos, é melhor estar preparado!

Um plano de saúde pode facilitar esse registro, além de outros benefícios. Entenda em nosso outro post!

Banner Fale com um especialistaPowered by Rock Convert
Você também pode gostar
-